Maceió evita descarte irregular de recicláveis o equivalente a carga do caminhão mais forte do Brasil

Capa-Matéria

Apenas no primeiro trimestre, cooperativas recolheram 434 toneladas de materiais

Mais de 430 toneladas de materiais recicláveis foram recolhidos em Maceió em apenas três meses. O trabalho é executado por cooperativas com a coleta seletiva porta a porta e os Pontos de Entrega Voluntária (PEVs). Para transportar todo resíduo de uma vez, seria preciso utilizar o caminhão mais forte e robusto em operação no Brasil.

Os dados são de janeiro, fevereiro e março de 2022 divulgados pela Superintendência Municipal de Desenvolvimento Sustentável (Sudes), responsável por gerenciar a limpeza da capital. O trabalho evitou o descarte irregular de 434 toneladas de recicláveis.

Só seria possível transportar todo material de uma só vez se utilizasse, por exemplo, um caminhão Mercedes-Benz Actros 4160 SLT, o mais forte e robusto em operação no Brasil que suporta até 500 toneladas de carga e já chegou a deslocar reboque de 50 metros de cumprimento.

As equipes da Coopvila, Cooplum, Cooprel Antares e Benedito Bentes, cooperativas parceiras da Prefeitura de Maceió, realizam o serviço de coleta seletiva e atendem 16 mil residências. Outro braço importante é o funcionamento de 32 Pontos de Entrega Voluntária (PEVs) em vários pontos de Maceió. Os equipamentos recebem vidro, plástico, papel e metal.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on email

Veja também

© 2021 Prefeitura de Maceió | Todos os direitos reservados.